Convidei para Jantar Juliette Benzoni

O livro já era antigo, a capa a querer soltar-se das folhas e o desgaste das cores já era notório. Olhei intrigada para algo de novo para mim, um livro. Tinha 11 anos e a leitura era, para mim, um mundo ainda desconhecido.



Timidamente abri a capa e debrucei-me sobre as letras minúsculas, algo reticente já que de imagens não me valeria – qual seria a piada de um livro sem imagens?!

E a verdade é que, sem esperar, dei por mim mergulhada no mundo da Mariana, a estrela de Napoleão. Vivi as suas aventuras, temi os seus receios e apaixonei-me pelos seus romances.



O livro de Juliette Benzoni foi um marco na minha vida, e com ele descobri a beleza e mágica da leitura. E até hoje nunca mais consegui largar os meus preciosos livros sem imagens – qual a piada de um livro com imagens?!
E é por isso que Juliette foi a minha convidada para jantar. Servi-lhe um prato delicado mas arrojado, como todas as heroínas das suas histórias.
Falámos da revolução francesa e do que a foi inspirando para os seus magníficos livros, falámos de Napoleão e, como não poderia deixar de ser, da linda e doce Mariana. Mostrei-lhe a minha estante com as suas obras e ela notou que, apesar de ter várias das suas séries, até hoje nunca consegui encontrar em Português os demais livros da série Mariana.



Ela prometeu que mo enviaria, e eu ficarei aguardando ansiosamente…


Fritatta de Pesto e Mozarella Fresca

 
Ingredientes
  • 8 Ovos
  • Molho Pesto q.b. (usei este)
  • 1 Mozarella fresca
  • 1 Tomate grande
  • Sal
  • Pimenta

Preparação

1.  Bater os ovos e juntar o molho Pesto, o sal e a pimenta. Levar ao lume numa frigideira que possa ir ao forno e mexer ocasionalmente. Deixar assentar.

2. Juntar a mozarella fresca partida e espalhar uniformemente. Dispor por cima as rodelas de tomate.

3. Levar ao forno pré-aquecido cerca de 15 a 20 minutos ou até que o queijo fique dourado. No final, se necessário, remover o liquido originado pelo queijo.

Esta é a minha participação no projeto Convidei para Jantar, a decorrer este mês na casa da Carla


Bom Apetite, Su

15 comentários:

  1. Que bom ar essa fritatta!
    Também ainda consegui cozinhar uma salada rápida para as minhas convidadas. O tempo não estica mesmo mas com um pouco de ginástica e imaginação lá se faz :)
    Bjinhos :)

    ResponderEliminar
  2. Su, que delicia é esta?! Deve ser tão bom, aquele queijinho ali todo derretido!
    As tuas fotos são o máximo! ;)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Muito bom aspecto e delicioso com esses ingredientes!

    Bjs.

    ResponderEliminar
  4. Su,
    Ainda bem que conseguiste participar. Um escritor marca-nos definitivamnete quando nos inicia na leitura e no gosto pela leitura. Embora não me lembre do primeiro "livro sem imagens" que li, tenho bem presente na memória os meus momentos na iniciação da leitura. Era uma devoradora de livros. Durante muitos anos fui sócia de uma Biblioteca Itinerante da Gulbenkian. A biblioteca era uma carrinha e na parte de trás as laterais estavam forradas a prateleiras e cheias de livros. Paravam perto de casa 1 vez por mês e lá eu esperava ansiosamente pela sua chegada. A dada altura os senhores já me guardavam os livros que eu pedia ou que se lembravam de que poderia gostar. A iniciação à leitura é um momento mágico e merece ser recordado. Obrigada pela tua participação.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Su,
    Ainda bem que conseguiste participar. Um escritor marca-nos definitivamnete quando nos inicia na leitura e no gosto pela leitura. Embora não me lembre do primeiro "livro sem imagens" que li, tenho bem presente na memória os meus momentos na iniciação da leitura. Era uma devoradora de livros. Durante muitos anos fui sócia de uma Biblioteca Itinerante da Gulbenkian. A biblioteca era uma carrinha e na parte de trás as laterais estavam forradas a prateleiras e cheias de livros. Paravam perto de casa 1 vez por mês e lá eu esperava ansiosamente pela sua chegada. A dada altura os senhores já me guardavam os livros que eu pedia ou que se lembravam de que poderia gostar. A iniciação à leitura é um momento mágico e merece ser recordado. Obrigada pela tua participação.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Su recebes sempre muito bem os teus convidados, gostei muito desta fritatta.

    Beijinho e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  7. Boa escolha de convidado e ainda melhor essa fritada! Aspecto fantastico como sempre, um beijo e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  8. O primeiro escritor marca-nos sempre. No meu caso foi o Patrick Suskind com O perfume, era eu bem jovenzinha.
    Recebes sempre tão bem na tua casa, e desta vez com uma bela fritata.
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  9. Gostei de saber sobre a tua primeira aventura no mundo dos livros. Há algo de mágico neles. Como de páginas com letras partimos para mundos de cores, aventuras, emoções!
    Quanto à receita, adorei. A frittata fica linda e a combinação de sabores deliciosa.
    Beijinhos e um bom fim de semana!

    ResponderEliminar
  10. Que bom aspecto!! :) Deve ter ficado muito bom!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  11. Su..
    Ao acaso descobri o seu blog e mais que tudo que me encantou nele, há um aspeto que me faz vir aqui...
    A sua imensa força de viver e a paixao que põe em tudo que vive, a vida foi-nos dada e não faz sentido não nos darmos tbm à vida,a cada letra a cada respiração a tudo que ama...
    Parabéns...Su, e nunca desista de si, mesmo que a vida lhe seja algum dia adversa..nunca perca o encantamento que tem bem no fundo de si.
    Muitas felicidades
    UmaAnonima

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cara Anónima,
      Não podia deixar mesmo de lhe responder e espero honestamente que leia esta minha resposta.
      Às vezes as coincidências da vida são de tal ordem que damos por nós a pensar que têm mesmo de ser mais do que coincidências.
      Não imagina, sequer, como este seu comentário foi precioso para mim, como o escreveu precisamente no dia em que eu precisava de o ler - apesar de ser já um post antigo.
      Pode não saber o porquê, mas asseguro-lhe que assim foi.
      E por isso o meu Muito Obrigada pelas suas palavras que foram uma verdadeira lufada de ar fresco e me deram um ânimo muito especial.
      Um grande beijinho :)

      Eliminar
  12. Su..

    Arrepiante..como num dia ao acaso e numa hora qquer..as minhas palavras servem de consolo e motivação a alguém...
    Fico feliz! E tbm a mim me conforta saber que neste espaço virtual corações pulsam no mesmo sentido..e com o mesmo compasso..A forÇa/paixão e encantamento pela VIDA..nunca desista de acreditar em si, mesmo quando
    quem vc mais quer que acredite desista de o fazer e troque o desânimo pelo desafio e tente SerFeliZ:))O mundo precisa de pessoas persistentes pelos seus ideais,
    Permita-me que lhe retribua tbm um beijo
    Uma Anonima

    ResponderEliminar