Crepes de Frango e Abacate Balsâmico... e donas de casa desesperadas

Muitas vezes me perguntam como é que eu consigo ter tempo para fazer tudo. Como consigo ser mãe, esposa, profissional, mulher… e ainda me lançar em aventuras como o ballet ou outros projetos meus
A verdade é apenas uma. Eu não faço tudo. E nem conseguiria jamais.




Felizmente tenho ajuda preciosa vinda de muitas direções. A começar, claro está, pela ajuda do meu marido que dá o jantar ao filhote para eu ir ao ballet, que faz o jantar quando eu estou cansada, que me prepara banhos de imersão à luz de velas após as festas cansativas.
Já a lida da casa fica por conta da minha fantástica empregada que é uma querida e até das plantas ela se encarrega.

E depois existe a minha mami, que faz sopinha, que vai buscar o netinho à creche quando precisamos, que vai ao mercado biológico e me abastece o frigorifico para o mês e que, à semelhança dos outros avós, fica com o neto quando queremos ir ao cinema ou passar um fim de semana a dois.


Se seria possível eu fazer tudo aquilo que faço sem estas preciosas ajudas? Quase de certeza que não.
Um destes dias alguém me disse que eu era a Bree portuguesa e eu não pude deixar de me rir. Primeiro porque, quem me dera a mim, estar sempre com o ar impecavelmente maquilhado e composto que a dita senhora tem, e depois porque quem me dera a mim chegar aos 40 com aquele aspeto.

 A verdade é que supermães ou supermulheres existem apenas na ficção cientifica. Na vida real existem sim, mães e mulheres que dão tudo para serem o melhor que conseguem. E honestamente, eu acho que isso basta.



Não faço tudo. Estabeleço, sim, prioridades e abdico de muita coisa para fazer aquilo que para mim é realmente importante. Raramente vejo televisão agora, mas vou ao cinema ver os filmes que me agradam. Desisti de ter as unhas sempre impecáveis e lindas mas não abdico de 1 horinha por dia para brincar com o meu pequeno terrorista. Deixei de combinar almoços durante o dia de semana com os amigos e agora uso esse tempo para trabalhar no meu projeto.

Se queria ser a mãe e mulher perfeita e ideal? Não… porque assim tem muito mais piada.

Ingredientes
  • Massa de Crepes (fiz esta)
  • 1 Peito de Frango
  • 1 Abacate
  • 1 tomate grande
  • Sal
  • Pimenta
  • Creme Balsâmico (usei de figo)
Preparação

1.  Fazer as folhas de crepes e reservar.

2. Num tabuleiro dispor o peito de frango, temperar com sal e pimenta e levar ao forno pré-aquecido a 200º durante cerca de 15 a 20 minutos.

3. Numa folha de crepe dispor o peito de frango partido, metade do abacate em fatias e regar com um pouco de balsâmico. Enrolar e levar ao forno cerca de 10 minutos.

4. Servir com uma salada de tomate e o restante abacate temperados com creme balsâmico.


Bom Apetite, Su

14 comentários:

  1. Su infelizmente nos dias de hoje conciliar trabalho e casa com aquilo que mais gostamos de fazer é muito complicado mas já não me vejo sem este ritmo com os minutinhos todos contados :)
    Uns crepes deliciosos, seriam para o meu almoço :)

    Beijinho e boa semana

    ResponderEliminar
  2. Gosto da tua sugestão e é bom saber que, ao contrário de mim, tens apoio, que me dera... Mas faz-se aquilo que se pode com aquilo que se tem. O importante é que as crianças cresçam e aprendam que os pais lutam e não desistem dos seus sonhos. Obrigado por partilhares os teus pensamentos e boa semana.

    ResponderEliminar
  3. Esses crepes parecem deliciosos:) Quem me dera ter essas ajudas...só posso contar com o F. por isso a minha vida é uma correria e sem tempo para nada. Enfim, há que fazer o mlehor com os recursos que temos! bj

    ResponderEliminar
  4. Adorei o seu texto :) As ajudas são sem dúvida importantissimas!!! :)
    Os crepes ficaram uma delicia, as imagens falam por si!
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  5. Ser perfeita é saber viver e ser feliz. E tu sabes sê-lo na perfeição!

    Um grande beijinho querida!

    ResponderEliminar
  6. Su, o crepe esta com um ar delicioso!
    Entendo-te bem, e também eu tenho a sorte de ter ajudas como as tuas. E mesmo assim estou sempre ocupada e decidi abdicar de umas coisas para poder fazer outras. É uma gestão diária constante.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Que delicia de crepes! está aí um belo prato :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  8. Que crepes deliciosos. O saudável fica bem com o delicioso :)
    Esforçamo-nos por fazer o melhor que podemos com o tempo que temos, não precisamos de ser perfeitas. Sempre sem descuidar os nossos e o trabalho, há que gerir bem o tempo, abdicar de algumas coisas em prol de outras, sem deixar de sonhar e viver :)
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  9. Su, uma mulher tem que se desdobrar em mil para conseguir tudo o que quer. Mas com vontade e esforço tudo se consegue.
    Os crepes ficaram fantásticos
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  10. olá,
    adorei esta receita de crepes. super saudável, como tu já nos habituaste =)

    ResponderEliminar
  11. Su, Os crepes estão divinos , deliciosos. Semana passada também coloquei um post sobre o tempo, ou melhor a falta de tempo que todas nós sentimos... e como o tempo não para e ele é precioso, a sabedoria está no equilibrio de saber usá-lo com quem amamos e com o que nos faz felizes.E acredito pelo que disseste que o teu tempo é bem aproveitado e que a ajuda de todos torna o tempo maior! Beijinhos da Gina

    ResponderEliminar
  12. Adoro as tuas confissões :) Isto de ter vontade de ser mãe ajuda muito quando desabafas. Com isto nem me lembro de falar dos crepes que adorei como sempre. um beijos e resto de boa semana

    ResponderEliminar
  13. Adorei esta receita, vou ter que experimentar :)

    ResponderEliminar
  14. É verdade que as ajudas preciosas são as "osas" da nossa vida: maravilhosas, fabulosas, etc. E sem elas seria impossível fazermos muita coisa. Mas também temos que abdicar de outras: por exemplo, manter um blogue implica quem nem todas as noites estou refastelada no sofá, enroscadinha nos braços do Vel. Mas há tempo para tudo, pelo menos se o formos doseando de acordo com as prioridades que são correctas para nós :)
    Adoro a mistura dos sabores do recheio dos crepes, são ingredientes que combino muitas vezes em salada :)

    ResponderEliminar