Coelhinhos da Páscoa... e os que anseiam.


{scroll down for english version}

Por vezes o desânimo parece querer tomar conta de nós. Há dias em que deixamos de acreditar naquilo que sempre lutámos para ser o nosso ideal de vida ou de caráter porque constatamos que afinal tudo isso é descartado ao lado de outras coisas fúteis e vazias.



A verdade é que nunca acreditei que o trabalho árduo, por si só, levasse seja quem for ao topo de onde se quer chegar. É necessário sorte à mistura. Estar no sitio certo, conhecer a pessoa certa, fazer aquela ação naquele preciso instante.

  



Mas há coisas que, na minha opinião, não justificam quebrar o que acreditamos. Sou orgulhosa, acredito que a vencer só poderá ser de uma e uma só forma. De cabeça erguida, consciente do que valho e dos meus valores.

Há coisas que não faço mesmo que isso implique que o reconhecimento não chegará como e quando eu gostaria que chegasse.

 



E na verdade, talvez nunca chegue. É impreterível não esquecer isto, porque é essa consciência que me fará balancear as minhas próprias expetativas.
Mas se chegar, se algum dia esse reconhecimento e compensação me forem dados, será da forma em que acredito que deve chegar.

 





Até lá resta-me lidar com os momentos em que o desânimo me assola, porque afinal só não desanima quem não anseia.  


Ingredientes


  • 2 ovos
  • 1 1/2 chávena Farinha
  • 1 1/2 c. chá de fermento seco
  • 160 gr leite magro
  • 2 c. sopa de  açucar
  • pitada de sal
  • pepitas de chocolate q.b.
 

Preparação

1. No copo da bimby colocar o leite e aquecer a 50º durante 3 minutos

3. Deixar arrefecer um pouco e, com a máquina em funcionamento na velocidade 4, juntar os ovos. Parar, adicionar o fermento, o açucar e o sal e voltar a bater mais alguns segundos.

4. Juntar a farinha pouco a pouco até obter a consistência de uma bola não demasiado seca.

5. Com pedaços da massa formar o corpo do coelhinho, rolando numa espiral. Para a cabeça, formar uma bola e cortar até metade com uma tesoura. Finalizar com uma bolinha para o rabo e colocar as pepitas a formar os olhos.

6. Levar ao forno pré-aquecido a 180º até ficar cozer, cerca de 15 a 20 minutos.


Receita adaptada daqui

 Bom apetite, Su





Easter Bunnies... and those who seek 

Sometimes discouragement seems to want to take care of us. There are days when we stop believing in what we always fought to be our ideal of life and character because we find that all that is discarded along with other futile and empty things.



The truth is that I never believed that hard work alone would take anyone to the top of where he/she wants to go. You need luck along the way. Being in the right place, knowing the right person or doing that action at that precise moment.



But there are things that, in my opinion, do not justify breaking what we believe. I am a proud person, I believe the winning can come by one and only one way. Head high, aware of what I am worth and what my values are.

There are things I won’t do even if it means that recognition will not come as and when I wish it to come.



And in fact, it may never come at all. It is imperative not to forget this, because it is this awareness that I will keep my own expectations in balance.

But if it comes, if ever this recognition and compensation are given to me, it will be in the way I believe it should be.



Until then I can only deal with the times when discouragement plagues me, because after all, only those who do not seek feel no discouragement at all.  


Ingredients:


  • 2 eggs
  • 1 1/2 cup Flour
  • 1 1/2 teaspoon dry yeast
  • 160 gr skim milk
  • 2 tblspoon sugar
  • pinch of salt
  • chocolate chips 
 

Method

1. Heat the milk until warm. Put inside a blender and, with it on medium speed, slowly add the eggs. Mix in the yeast and sugar

2. Add flour gradually to obtain the consistency of a ball not too dry.

3. With the dough pieces form the body of the bunny, rolling in a spiral. For the head, form a ball and cut in half with scissors. Finish with a ball to the tale and put the chips to form the eyes.

4. Bake at 180° for about 15 to 20 minutes.


 Bom apetite, Su

22 comentários:

  1. Su que coelhos tão lindos, acho que até teria pena de os comer.
    bjs

    ResponderEliminar
  2. Concordo contigo Su. Para mim a integridade acima de tudo.

    Os teus coelhinhos estão uma delicia :) muito fofinhos.
    E as fotos maravilhosas como sempre

    Beijinhos
    Marta

    ResponderEliminar
  3. Fico sempre sem palavras quando vejo os teus posts!
    são os miminhos perfeitos para a Páscoa.

    ResponderEliminar
  4. Não sei bem a que te referes mas revejo-me nas tuas palavras. E o desânimo quando nos apanha temos mesmo de o enfrentar de cabeça erguida e ao mesmo tempo temos de nos permitir chorar... És uma mulher forte, linda, excelente mãe, uma artista, íntegra, óptima esposa... o sucesso irá chegar e da forma como o mereces! Acredito mesmo em ti!
    Beijos

    ahhhhh e os coelhinhos? Um mimo!

    ResponderEliminar
  5. Su sabes que me revi nas tuas palavras, não mudaria nenhuma. Quero que saibas que eu reconheço o teu valor apesar de não poder recompensar-te. Essa recompensação pode demorar mas chegará e vai saber-te muito bem. Terá um valor incalculável porque soubeste esperar por ela, sem pressas. Não quebres nunca o que acreditas, continua de cabeça erguida a acreditar em ti e no teu valor. Fala-te alguém que levou anos mas, um dia, consegui sem mudar uma virgula na minha maneira de pensar, seguindo em frente. TENS VALOR E VAIS CONSEGUIR. Beijinhos Linda

    ResponderEliminar
  6. Muito lindos Su!

    Entendo perfeitamente, mas tenho um lema passado pela minha mãe: "isso incha, desincha e passa" por isso nesses dias espero por um dia melhor...

    Beijinhos
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  7. Eu percebo o que queres dizer, tenho sempre a tendência a dar tudo de mim e às vezes não é suficiente por motivos que não dependem de mim mas de outras pessoas, que nem sempre são justas. O mais importante é saberes que deste o teu melhor e que fizeste o correcto ;) E acredita que o karma vai compensar-te ;)

    Beijinhos e tem uma boa noite :D

    ResponderEliminar
  8. Por vezes o desanimo bate à porta. Mas tenho a certeza que é por pouco tempo, pois logo virá um miminho do Rafa que faz esquecer todas as coisas menos boas. E com esses coelhinhos da páscoa é impossível estar desanimada :p

    ResponderEliminar
  9. É um texto muito elucidativo e real....a vida tem destas coisas, umas vezes em cima e outras em baixo!!!É nas alturas em que estamos em baixo que vemos onde temos as nossas forças para nos levantarmos!!!E mesmo se a tal "glória" nunca chegar podemos sempre aproveitar as pequenas coisas boas ganhas com o nosso pulso e dedicação....
    Agora os teus coelhinhos: Que fofurinhas...E digo te que o que mais gostei dos dos rabinhos deles, tão perfeitinhos....
    Bjoka
    Rita

    ResponderEliminar
  10. Cheiram a PÁscoa.Têm um aspecto delicado e reconfortante,teria pena de os comer.bjs,violeta

    ResponderEliminar
  11. Ficaram tão lindos! Super mimosos! Excelentes para uns presentes homemade :)

    Minha querida, se para chegar longe implicar ires contra os teus próprios princípios e "vender a alma" a quem dela fará o que quizer, estou de acordo contigo que para lá chegar chegarás de forma honesta e forte! O desapontamento surge quando menos esperamos e a realidade é que se pode tornar frustrante, mas não desistas, nunca desistas! É a mulher forte e íntegra, com ideais e razão, que vai chegar algum dia a algum lado (mesmo que não seja ao topo).

    Um beijinho muito grande*

    ResponderEliminar
  12. Que coelhos lindos... maravilhosos. E animo.. o sol deve estar a chegar e com ele parece que corre tudo muito melhor.. :)
    beijinhos

    ResponderEliminar
  13. Muito delicados estes teus coelhinhos!
    Bjs

    ResponderEliminar
  14. Mantem-te fiel aos teus valores, apesar de consciente que o esforço será muito maior do que os daqueles que não têm espinha dorsal (e ai são tantos, tantos). Eu também acho que há coisas que não se fazem, que não há justificação para certas acções, para certo tipo de atitudes, mas há quem se "venda" fácil e justifique o seu fraco carácter pela necessidade, pelo mundo em que vivemos. Mas de que vale verdadeiramente o sucesso se como pessoas somos um fracasso?

    ResponderEliminar
  15. Que coelhinhos mais fofos Su :)
    Deves apostar sempre nos teus valores. Eu sempre lutei pelo que tenho, não recebi favores/cunhas e esforço-me para que seja sempre assim, de cabeça erguida. Ser forte e honesto!
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  16. Uma receita carregada de um desabafo da alma. O que eu sempre digo é: quanto maior o desafio, maior é a recompesa, e o que me importa é não estar

    ResponderEliminar
  17. Como me revejo no que diz... E sei quão doloroso pode ser.

    ResponderEliminar
  18. Sei bem do que falas, costumo dizer que tenho a cabeça sempre nas nuvens, mas os pés assentes na terra! Desta forma permito-me sonhar, procurando não me dececionar demasiado quando as expetativas são logradas. Acredito na persistência, em não desistir e lutar por aquilo que se deseja.
    Lindos os coelhinhas e as fotos, como sempre, maravilhosas!

    ResponderEliminar
  19. Su, que lindos ficaram estes mimos. Se presenteias alguem com eles fica maravilhoso. E nao desanime. Siga marchando confiante.

    ResponderEliminar
  20. Estou num dia assim, hoje. Tudo me parece escuro.
    Tudo o que dizes aqui é como me sinto de vez em quando... Mas mesmo assim não desanimo, embora por vezes me pareça que nada do que faço tem valor a outros olhos, a não ser os do meu marido, que qualquer que eu faça está sempre bem! Mas eu queria mais...
    Não te conheço, Su, mas vejo uma maneira de ser muito idêntica à minha. Tirando a parte de que sou mais velha, mais baixa, mais fortita e menos bonita :-)
    Bjs e continua feliz, sensível e elegante (mesmo com 3 filhotes)
    Cláudia

    ResponderEliminar