Orzo com frango no forno... e o dia dourado da semana.

{scroll down for english version}

Abro um olho, depois o outro… e penso em como ao sábado sou sempre mais feliz.

Pascoa_col2 Pascoa_coll4 Pascoa15-277

Em casa ainda tudo dorme – ou assim parece – e eu levanto-me antecipando já um dia cheio. De coisas boas, assim espero.
Um duche rápido enquanto ainda ninguém reclama o leite matinal sempre tão desejado, apronto-me e desço para abrir todas as janelas porque o sol já se sente resplandecente lá fora.

pascoa_col1 Pascoa15-394 Pascoa_col5 Pascoa15-616 Pascoa_Col9

Depois de muitos beijinhos entre meninos grandes, pequenos e pequeninos, depois de calça {e descalça} sapato, veste casaco e mais uns quantos beijinhos, saímos quase aos saltinhos porque… bom, é sábado.

Leite com café e pão tradicional na já habitual pastelaria – aquela com croissants deliciosos e pasteis de nata impossíveis de resistir – e alongamo-nos no tempo porque afinal é sábado.
No mercado – onde já nos vão conhecendo, talvez pelas criancinhas – perco-me pelas bancas numa ansiedade de ver o que me chama, o que de novo há, o que a época nos traz. Trago uns limões, umas batatas e não resisto, como sempre, às flores frescas.

Pascoa_col3 Pascoa15-439 Pascoa_col6

"Quero ir ao parque passear" digo-lhe e ele, como sempre, atende à minha vontade... à minha e à dos mais pequenos. 
Por ali os deixamos andar, perdidos pela relva enquanto nos perdemos, também nós, na alegria e efusividade dos seus risos. 

Pascoa_col7 Pascoa_col8 Pascoa15-650 Pascoa_Col11

Ao sábado é dia de passeio, de uma refeição mais elaborada. E com a Páscoa quase a chegar, porque não fazer umas amêndoas de chocolate caseiras. 

Pascoa15-537 Pascoa_Col10

O sábado é sempre o dia dourado da semana, aquele dia em que tudo sabe sempre melhor.



Ingredientes



  • 2 1/2 c. sopa de manteiga
  • 1 fio de azeite.
  • 1 chalota
  • 4 peitos de frango 
  • 250 gr massa orzo / pevide
  • 300 gr de cogumelos brancos laminados
  • 800 ml de caldo de legumes 
  • 2 c. sopa de folhas de alecrim fresco
  • Sal
  • Pimenta

Preparação


1. Pré-aquecer o forno a 200º

2. Numa frigideira anti aderente, 2 c. sopa de manteiga e colocar os peitos de frango para alourar de ambos os lados, deixando por 2 a 3 minutos. Reservar.

3. Numa caçarola/ panela que possa ir ao forno, colocar a chalota picada, o fio de azeite e restante manteiga. Deixar alourar a cebola. Juntar os cogumelos, o alecrim e uma pitada de sal e deixar que comecem a amolecer.

4. Adicionar o orzo e deixar fritar um pouco, mexendo sempre. Juntar o caldo, dispor os peitos de frango por cima e levar ao forno cerca de 45 minutos. 







I open one eye, then the other ... and it comes to my mind how I'm always happier on Saturdays.

In the house everyone is still sleeping - or so it seems - and I as put myself out of bed I think of what a full day this will be. Of wonderful things, I hope.
A quick shower before I'm asked for the morning warm milk always so desired, and I run downstairs to open all the windows because the sun already feels bright outside.

After many kisses between grown and small boys and chubby sweet girls, after putting on {and off} the shoes, dressing the coats and a few more kisses, we leave the house almost hopping because ... well, it's Saturday.

Milk with coffee and traditional bread on the usual place - the one with delicious croissants and Portuguese custard tarts impossible to resist - and let time drift by because after all it's Saturday.
In the market - where already we're starting to get known, perhaps because of the little ones - I lose myself in the stalls anxious to see what is calling for me, what new things are there, what time has brought. I bring some lemons, some potatoes and I can't resist, as always, to the fresh flowers.

"I want to go for a walk in the park" I tell him and he, as always, acquiesces to my will ... to my and them. That way we let them walk, lost the grass while we get lost, we too, in joy and effusiveness of their laughter.

On Saturday is day of sightseeing, a more elaborate meal and maybe even a cake or sweet. And with Easter around the corner, why not make homemade chocolate almonds.

Saturday is always the golden day, that day when everything always feels better.

{ Baked orzo with chicken Recipe }

Ingredients



  • 2 1/2 tblspoon butter 
  • 1 drizzle of olive oil.
  • 1 shallot
  • 4 chicken breasts
  • 250 gr orzo
  • 300 gr of white mushrooms, sliced
  • 800 ml of vegetable broth
  • 2 tblspoon of fresh rosemary leaves
  • salt
  • pepper


Method


1. Preheat oven to 200º C

2. In a non-stick frying pan add 2 tablespoon of butter and place the chicken breasts to brown on both sides, leaving for 2 to 3 minutes. Set aside.

3. In an oven pan, place the chopped shallot, the olive oil and remaining butter. Leave the onion to brown a little. Add the mushrooms, rosemary and a pinch of salt and let it begin to soften.

4. Add the orzo and let it fry a little, stirring constantly. Add the broth, arrange the chicken breasts on top and bake about 45 minutes.



14 comentários:

  1. Susana, nunca comentei mas não resisto. Gosto muito das receitas, das fotografias, do blog. Já experimentamos várias lá em casa, a tosta com moranhos, a granola de café, a aveia com morangos e chocolate, huum e vou levar esta também. Parabéns e boa Páscoa.

    ResponderEliminar
  2. Obrigada e uma boa Páscoa para si também :)

    ResponderEliminar
  3. Uma das vantagens de viver perto do campo é essa mesmo, querida, uns bons passeios com muita relva verdinha, água em abundância e risos de crianças.
    Estive uma semana de férias na quinta. Apesar de ser campo, a terra é avermelhada, como todo o chão daquela zona, na Serra de Montejunto. Mesmo assim há muito verde, principalmente com os nossos pinheiros plantados por trás da casa. Adoro campo, talvez mais que praia, praia no sentido de ficar estendida ao sol. Para mim o campo e o mar tiram-me as medidas...
    Gostei da tua receita, do vislumbre da tua cozinha imaculada e das fotos nem se fala!
    Muitos beijinhos e os banhinhos têm sido fofinhos? :-)

    Ah... e gostei da falta dos alfinetes ;-) De certeza um passeio bem confortável :-)
    Bjitos
    C

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim... campo, pinheiros, verde... não troco por nada e sou muito mais isso do que mar.
      Ainda que corra muito bem de alfinetes atrás das minhas pestes, corro melhor de sabrinas, sem dúvida ;)
      Beijinhos

      Eliminar
  4. O seu blog é um dos meus blogs de eleição. O bom gosto que aqui se respira é inspirador a vários níveis, por isso, mais uma vez, sorri com estas fotografias. Obrigada. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada eu, Andrea. Fico imensamente feliz por saber que as minhas partilhas alegram e inspiram quem está do outro lado.
      Um grande beijinho

      Eliminar
  5. Os teus pequeninos já estão todos tão crescidos! Para onde é que vai o tempo que passa a correr?
    As fotos transmitem uma serenidade feliz e campestre que me deixa tranquila. De facto, não há nada como os ares sossegados para nos deixarem felizes e tranquilos. E claro, para os miúdos crescerem frescos e viçosos :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nem me digas Ondina, ainda ontem aqui estava eu a dar a novidade "São 2" e agora aqui estão elas crescidas e sem pararem 1 segundo.
      Concordo que os ares frescos e livres do campo são outra coisa para as crianças, e espero conseguir que eles cresçam com esse gostinho também.
      Grande beijinho

      Eliminar
  6. O que lindo post Susana, adorei ver como estão crescidos os teus filhos e a tranquilidade destas imagens! Boa páscoa para todos

    ResponderEliminar
  7. Gostei de ver os teus meninos, estão enormes!
    E adoro essa luz e harmonia, a tranquilidade de um sábado em família.
    Um beijinho e Boa Páscoa!

    ResponderEliminar
  8. Susana, obrigada pela partilha destes momentos tão delicados, serenos, mágicos e profundamente belos! Adoro absorver e ler cada um deles... Que a plenitude da felicidade vos acompanhe sempre! Um beijinho

    ResponderEliminar
  9. Olá Su :)

    Impossível não amar as tuas fotos...a casa nova...a luz...a paz... o conforto...a delicadeza ...a beleza pura ♥
    E os teus filhotes lindos crescem a olhos vistos.
    Um beijinho grande

    ResponderEliminar
  10. Querida Su,
    Eu também adoro os Sábados, mais que os Domingos, pois acho que é aquele dia que dá para fazer tudo o que se gosta, tendo a certeza que há o Domingo para descansar antes de mais uma semana de trabalho.
    Adorei esta tua sugestão de orzo e é engraçado que no dia que a publicaste, o jantar cá em casa também foi orzo, mas de forma diferente.
    Amo os teus posts e já te disse que tens os filhos mais lindos do mundo?
    Acho que sim, mas repito, pois tens mesmo e essa foto com o teu fofinho no chafariz, a alegria dele, a pedrinha, o todo... LINDO!!!!! está digna de uma revista, pois está linda e conta toda uma história!
    Beijinhos grandes,
    Lia

    ResponderEliminar