Cuscuz de couve-flor... e muitas páginas assinaladas

{Cauliflower couscous... and so many marked pages}

Como uma pequena criança empolgada com o rasgar de um papel de embrulho, abro as páginas do novo livro de receitas e devoro as letras e as imagens na ânsia de encontrar o que procuro.
Na verdade não procuro nada em particular mas sei que mesmo sem procurar vou encontrar. Encontro sempre.   
*
Just like a small child excited about the tear of wrapping paper, I open the pages of the new cookbook and devour the letters and images in my eagerness to find what I seek.
In fact I do not seek anything in particular but I know that even without seeking I will find. I always do.

CauliflowerCouscousPaleo_02 CauliflowerCouscousPaleo_col1


Página após página, receita após receita, marco uma e outra página sabendo de antemão que muito possivelmente algumas delas ficarão esquecidas. Mas sei que outras se tornarão minhas amigas intímas, que memorizarei cada linha, cada palavra, cada ingrediente e medida. 

*
Page after page, recipe upon recipe, I mark one and another page knowing beforehand that quite possibly some of them will be forgotten. But I know that others will become my close friends, I know I will memorize every line, every word, every ingredient and measurement.

CauliflowerCouscousPaleo_03 CauliflowerCouscousPaleo_05 CauliflowerCouscousPaleo_col2 CauliflowerCouscousPaleo_08



Gosto de experimentar, de testar e brincar com receitas, gosto de descobrir novas inspirações, novos estilos de cozinha e de sentir que há sempre algo mais que me pode surpreender.     

*
I love to experiment, to test and play with recipes, I like to discover new inspirations, new cooking styles and feel that there is always something more that can surprise me.

CauliflowerCouscousPaleo_09 CauliflowerCouscousPaleo_07





E ainda que quase nunca siga uma receita à letra, excetuando talvez pães e bolos, o prazer que tiro de um livro de receitas é algo que me faz querer sempre ter mais um... e mais outro.   
*
And although I almost never follow a recipe to the letter, except perhaps breads and cakes, the pleasure that I take from a cookbook is something that makes me want to always have another ... and another one.







Ingredientes

  • 1 cabeça pequena de couve-flor separada em raminhos
  • 1 c. sopa de óleo de côco (ou manteiga)
  • 1 cebola pequena 
  • 1 dente de alho
  • 1/2 chávena de amêndoas laminadas (ou outro fruto seco)
  • raspa de 1/2 limão + sumo
  • 1 c. chá de cominhos em pó
  • 1 c. chá de caril em pó
  • 1/2 c. chá de pimenta de Espelete
  • 1 punhado de salsa picada
  • 1 fio de azeite
  • sal a gosto
  • 1/4 chávena de arandos vermelhos secos

Preparação

1. Triturar a couve-flor num robot de cozinha até obter uma espécie de cuscuz. 

2. Numa frigideira colocar o óleo de coco e a cebola finamente picada e deixar saltear até amaciar. Juntar o alho picado, a raspa de limão e as amêndoas e deixar por mais cerca de 2 minutos, mexendo sempre.

3.  Juntar a couve-flor, as especiarias e o sal e envolver bem. Deixar cozinhar por 2 a 4 minutos, envolvendo constantemente. 

4. Regar com o sumo de limão e o azeite e finalizar com a salsa picada e os arandos secos. Servir com mais algumas amêndoas laminadas.



* Receita adaptada do Livro de Receitas Paleo de Irena Macri




{ Cauliflower Couscous Recipe }




Ingredients
  • 1 small head of cauliflower in separate sprigs
  • 1 tbspoon of coconut oil (or butter)
  • 1 small onion
  • 1 clove garlic
  • 1/2 cup flaked almonds (or other nuts)
  • zest of 1/2 lemon + juice
  • 1 tspoon cumin powder
  • 1 tspoon curry powder
  • 1/2 tspoon of piment d'Espelette
  • 1 handful of chopped parsley
  • 1 drizzle of olive oil
  • salt to taste
  • 1/4 cup dried cranberries


Method


1Pulse the cauliflower in a food processor until you get a kind of couscous.

2. In a skillet put the coconut oil and sauté the finely chopped onion and leave to soften. Add the chopped garlic, lemon zest and almonds and leave on for about 2 minutes, stirring constantly.

3. Add the cauliflower, spices and salt and mix well. Cook for 2-4 minutes.

4. Sprinkle with lemon juice and olive oil and finish with chopped parsley and dried cranberries. Serve with a few flaked almonds.


* Recipe adapted from book Eat Drink Paleo from Irena Macri



8 comentários:

  1. Sou louca pela couve flor utilizada em vez de arroz ou de cous cous. Nem imaginas! Todas as semanas faço um monte dela :D Bela escolha
    um abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sara, eu adoro e acho imensamente versátil. Adoro fazer no forno com especiarias, absolutamente divinal :D

      Eliminar
  2. Querida Su,
    Bem sei o sentimento que descreves, pois, felizmente, sinto-o muitas vezes (tendo em conta o número de livros que já acumulo, lol).
    É sempre uma sensação de descoberta e novidade...
    Olha, adoro couscous de couve flor e faço várias vezes, mas gostei dos ingredientes que enriquecem este teu, pois acaba por torná-los ainda mais interessantes.
    Quanto à minha tarte, a consistência do recheio é frangipane que adoro...
    Um beijinho minha doce Su,
    Lia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Frangipane, claro!! Seja como for fiquei a babar ;)

      Eliminar
  3. Que lindo post Su, revejo-me naquilo que escreveste e é uma sensação tão boa...:)
    Adorei as fotos, a composição está mesmo TOP!
    Ia adorar esse couscous a julgar pelo aspecto.
    Bjinhoos

    ResponderEliminar
  4. Confesso que não gosto de couve-flor mas realmente é versátil e faz coisas tão bonitas quanto apetitosas, sim porque tal como tudo na vida o que eu não aprecio é o deleite de muitas outra pessoas e esse cuscuz até a mim me convenceu e eu era bem capaz de experimentar :D

    ResponderEliminar
  5. Agora que li o nome do livro bliiiing a minha colega tem esse livro aqui, em inglês claro mas o mesmo livro waaah vou abrir o embrulho e procurar umas ideias que coincidência tão interessante :D

    ResponderEliminar
  6. É mesmo uma sensação tão boa, o cheiro de um livro novo, a descoberta, o experimentar receitas novas. Adoro!
    Fotos inspiradoras e o livro surpreendeu-me bastante, estou a adorar.
    Um beijinho.

    ResponderEliminar