SC_logo.png

Cinquenta sombras de bege

Fifty Shades of Beige



Follow me at Instagram | Bloglovin | Facebook | Youtube


A estação de Santa Apolónia é um sítio quase mágico para mim. É um lugar muito emocional porque me faz recordar parte da minha infância. Viajar de comboio era quase obrigatório antigamente para quem se deslocava ao Norte de Portugal (e não só).


Recordo-me de esperar na estação pelos meus avós e tios e isso era sempre motivo de grande excitação e entusiasmo para mim. Recordo-me do cheiro metálico da linha, dos bancos de pele dos compartimentos das carruagens, recordo-me de como comprávamos rebuçados da Régua e Regueifa às senhoras de lenços na cabeça através das janelas do comboio.

E recordo-me da beleza da linha do Tua e das paisagens de tirar o fôlego que continuam gravadas na memória, envoltas por fragas cinzentas e reflexos nas margens do rio. Recordo-me até de uma ponte já muito velha onde o comboio tinha de abrandar até quase estar parado para poder avançar, como se a qualquer momento pudesse ruir.


Visitar a estação de Santa Apolónia é, por isso, algo que me enche de uma alegria calmante e um pouco nostálgica.


*

Santa Apolónia Station is an almost magical place for me. It is a very emotional place because it reminds me of part of my childhood. Traveling by train was almost mandatory in the past for those traveling to northern Portugal (and other places to).


I remember waiting at the station for my grandparents and uncles and that was always a source of great excitement and enthusiasm for me. I remember the metallic smell of the line, the leather seats in the train compartments, I remember how we bought sweets from Régua and Regueifa from the ladies in headscarves through the train windows.

And I remember the beauty of the Tua line and the breathtaking landscapes that remain etched in my memory, shrouded in gray fragments and reflections on the banks of the river. I even remember a very old bridge where the train had to slow down until it was almost stopped before it could move forward, as if it could collapse at any moment.


Visiting Santa Apolónia station is therefore something that fills me with a soothing and somewhat nostalgic joy.