SC_logo.png

Vestido Camisa e o Cinto Dele


Shirt Dress and his Belt


Follow me at Instagram | Bloglovin | Facebook | Youtube









・wearing・

Mango dress | Zara sandals | Timberland man belt | Local Market basket

O fim de semana era nosso. Nosso para passear, para namorar e para voltarmos a ser um casal adolescente enamorado sem compromissos.

E sem compromissos ele, tal como me prometera, pegou no carro e rumou ao brunch pelo qual ansiávamos há já algum tempo.

O ar que corria estava tão quente que quase nos queimava a pele e era o que possivelmente justificava a quase inexistência de pessoas nas ruas. Mas nem isso nos desmotivou e, determinados, largámos o carro e caminhámos vagarosamente de mãos entrelaçadas à procura do nosso ansiado brunch.

Fizémos o nosso pedido e deixámo-nos estar a saborear tudo aquilo a que tivemos direito. Desde o croissant perfeitamente estaladiço às panquecas fofas envoltas em doce e manteiga derretida e ao iogurte cremoso com frutas e muesli absolutamente delicioso.

Ali ficámos em conversas soltas, entre um bagel para levar e o próximo ponto de paragem. E quando saímos o calor ainda se fazia sentir de forma igualmente intensa mas nem por isso nos apressámos e, ao invés, caminhámos por baixo das árvores e saboreámos um pouco mais a beleza das ruas que pareciam, naquele momento, apenas nossas.

E nesse momento, tal como em tantos outros, olhei para ele e soube que o amor é tão simples como um brunch num domingo ou um passeio demorado.

Sem complicações ou exigências, mas antes na cedência e na aceitação de que são as coisas mais pequenas os maiores alicerces na construção de algo muito maior.

E ali, num domingo de muito calor, apreciámos a sombra das árvores e um ao outro.